Luis Antonio da Gama e Silva Neto

Sócio-Fundador

Direto

+55 11 5180-5710

Pertencente a uma tradicional família de advogados (seu avô foi Ministro da Justiça e seu pai um renomado advogado), Luis Antonio da Gama e Silva Neto tem mais de 15 anos de experiência e é sócio-fundador de CFGS.
 

Antes de fundar o CFGS, Luis foi por mais de 10 anos o chefe da equipe de contencioso de uma renomada boutique paulista, sendo o responsável pela condução e coordenação das ações e arbitragens de maior relevância do escritório, atuando como principal advogado em inúmeros casos de alta complexidade, representando clientes nacionais e estrangeiros em grande variedade de disputas.
 

Como sócio-fundador de CFGS Luis atua na solução de disputas envolvendo direito civil e comercial, com foco em direito empresarial, bancário, imobiliário e construção, assim como disputas envolvendo direito administrativo.
 

Citado como um dos mais admirados advogados pela Análise Advocacia 2018.

Formação

"Certificate in Dispute Resolution", com foco em "International Commercial Arbitration", pelo Straus Institute for Dispute Resolution da conceituada Pepperdine University School of Law (2020).

Certificado de especialização em arbitragem internacional, emitido pela Columbia Law School e pelo Chartered Institute of Arbitrators – CIARB (2015).

Mestre em Direito Processual Civil pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo – PUC/SP (São Paulo – Brazil – 2009).
 

Bacharel em Direito pela Universidade Presbiteriana Mackenzie (2003).
 

Idiomas: português, inglês e italiano.

Filiações Profissionais

Inscrito na Ordem dos Advogados do Brasil – Seção São Paulo, desde 2003 (OAB/SP nº 216.068).
 

Associado ao do Comitê Brasileiro de Arbitragem – CBAR.

Publicações

“O Exequente no Novo Código de Processo Civil”, artigo em coautoria com André de Luizi Correia e Rodrigo Ribeiro Fleury, publicado na Revista de Direito Bancário e do Mercado de Capitais, vol. 70, out. – dez. 2015.
 

“The New Brazilian Code of Civil Procedure: a preliminary overview”, artigo em coautoria com André de Luizi Correia, publicado em Lawyer Issue Magazine, edição de setembro de 2015.
 

“A Repercussão Geral no Recurso Extraordinário”, tese de mestrado publicada em 2009.

©2020 by CFGS ADVOGADOS